Palácio Real de Fez

O Palácio Real de Fez, construído no século XIV, é um dos maiores e mais antigos do Marrocos.

Devido ao seu grande tamanho, o recinto foi edificado fora da antiga Medina, por isso, após sua construção, surgiu uma nova Medina, Fez el-Jdid, para abastecer as necessidades do palácio.

Nas proximidades está o Bairro Judeu (Mellah) que, após seus tempos de glória, está em mal estado de conservação.

Ficamos às portas

Assim como na maioria das mesquitas e palácios do Marrocos, é impossível visitar o Palácio Real e nem sequer contemplar seu exterior. Os visitantes deverão se conformar com a vista das impressionantes portas que levam ao palácio: são sete portas de diferentes tamanhos que representam os sete dias da semana e os sete níveis da monarquia.

As enormes portas de bronze possuem milhares de pequenos azulejos de cerâmica, onde predominam as cores azul de Fez e verde do Islã, que compõem variadas formas geométricas.

O palácio e seus arredores

Vale a pena ir até as portas do Palácio Real de Fez, não só para contemplar seu brilho e grandeza, mas também para percorrer os bairros que o rodeiam e contemplar seus contrastes. As casas do bairro judeu vizinho oferecem um aspecto completamente diferentes das de estilo muçulmano.

Outro ponto de interesse é o antigo mercado do cereal, capaz de fazê-lo voltar no tempo. Está situado atrás da porta de Bab Sammarine.